Leia Agora

Clique e confira

hospedar imagem
No último Sábado o candidato a Deputado estadual Nilton mota (PSB) realizou uma ‘panfletagem’ na feira livre de Surubim no último Sábado (27).  “Começamos as nossas atividades de ontem (27), na Feira de Surubim falando das nossas propostas e também das ações que ajudamos a implantar durante os governos de Eduardo Campos. Mostrando nosso trabalho, estamos conquistando novos apoios que vão fazer a diferença nessa reta final. Obrigado minha gente pela confiança!” Disse o candidato.











Em giro pelo Agreste, Armando é aclamado por milhares de pessoas

Créditos das fotos: Alexandre Albuquerque

Em giro pelo Agreste, Armando é aclamado por milhares de pessoas


O Agreste de Pernambuco deu, neste domingo (28), mais uma demonstração de que está fechado com a candidatura de Armando Monteiro (PTB) ao governo do Estado. Em atos noturnos realizados nas cidades de Bonito e Passira, milhares de pessoas foram às ruas aclamar o petebista como o futuro governador de Pernambuco. A passagem pelas duas cidades ocorreu depois de um dia de intensa agenda, com atividades no Recife e na Mata Sul (Palmares e Catende).

Em Bonito, cerca de 10 mil pessoas receberam na entrada da cidade Armando e o senador Douglas Cintra (PTB), além de lideranças locais, como os ex-prefeitos Lúcia Heráclio e Valdomiro de Sousa Lima, assim como o ex-candidato a prefeito em 2012 Walter Maroja (PTB). Na sequência, o candidato andou pela Avenida Dr. Alberto de Oliveira até a Praça de São Sebastião, onde houve um comício.

Em seu discurso, Armando lembrou a politização do povo de Bonito e enalteceu a consciência da população. "O voto é uma coisa muito séria. Quando a gente erra, paga o pato por quatro anos", refletiu Armando, ressaltando as diferenças entre a sua candidatura e a da Frente Popular. "Eu aprendi a conhecer Pernambuco ouvindo as pessoas e os problemas de cada região. Eu amo Pernambuco porque, quem conhece a história, sabe que seu povo não aceita a tutela de ninguém", explicou.

Em Passira, Armando realizou comício, na Praça da Matriz, ao lado de representantes da cidade, como o prefeito Severino Silvestre (PSDB). O prefeito fez um relato dramático da questão da insegurança em seu município. Segundo Silvestre, a delegacia de Passira fecha às 18h. E o efetivo da Polícia Militar é de apenas quatro soldados. "Segurança é um direito do cidadão e obrigação do governo."

Em resposta, Armando se comprometeu a resolver o problema, lembrando, mais uma vez, que o Pacto pela Vida precisa de uma repactuação. "Vamos acabar com essa história de passar a chave na delegacia de noite e no fim de semana. E vamos aumentar os efetivos", garantiu o petebista, diante de mais de 5 mil pessoas.






This email was sent to isurubim@hotmail.com
why did I get this?    unsubscribe from this list    update subscription preferences
Comitê do candidato ao governo Armando Monteiro · Av. Rosa e Silva, nº 839, Aflitos · Recife, Pernambuco 52.020-220 · Brazil


Em giro pelo Agreste, Armando é aclamado por milhares de pessoas

Créditos das fotos: Alexandre Albuquerque

Em giro pelo Agreste, Armando é aclamado por milhares de pessoas


O Agreste de Pernambuco deu, neste domingo (28), mais uma demonstração de que está fechado com a candidatura de Armando Monteiro (PTB) ao governo do Estado. Em atos noturnos realizados nas cidades de Bonito e Passira, milhares de pessoas foram às ruas aclamar o petebista como o futuro governador de Pernambuco. A passagem pelas duas cidades ocorreu depois de um dia de intensa agenda, com atividades no Recife e na Mata Sul (Palmares e Catende).

Em Bonito, cerca de 10 mil pessoas receberam na entrada da cidade Armando e o senador Douglas Cintra (PTB), além de lideranças locais, como os ex-prefeitos Lúcia Heráclio e Valdomiro de Sousa Lima, assim como o ex-candidato a prefeito em 2012 Walter Maroja (PTB). Na sequência, o candidato andou pela Avenida Dr. Alberto de Oliveira até a Praça de São Sebastião, onde houve um comício.

Em seu discurso, Armando lembrou a politização do povo de Bonito e enalteceu a consciência da população. "O voto é uma coisa muito séria. Quando a gente erra, paga o pato por quatro anos", refletiu Armando, ressaltando as diferenças entre a sua candidatura e a da Frente Popular. "Eu aprendi a conhecer Pernambuco ouvindo as pessoas e os problemas de cada região. Eu amo Pernambuco porque, quem conhece a história, sabe que seu povo não aceita a tutela de ninguém", explicou.

Em Passira, Armando realizou comício, na Praça da Matriz, ao lado de representantes da cidade, como o prefeito Severino Silvestre (PSDB). O prefeito fez um relato dramático da questão da insegurança em seu município. Segundo Silvestre, a delegacia de Passira fecha às 18h. E o efetivo da Polícia Militar é de apenas quatro soldados. "Segurança é um direito do cidadão e obrigação do governo."

Em resposta, Armando se comprometeu a resolver o problema, lembrando, mais uma vez, que o Pacto pela Vida precisa de uma repactuação. "Vamos acabar com essa história de passar a chave na delegacia de noite e no fim de semana. E vamos aumentar os efetivos", garantiu o petebista, diante de mais de 5 mil pessoas.






This email was sent to isurubim@hotmail.com
why did I get this?    unsubscribe from this list    update subscription preferences
Comitê do candidato ao governo Armando Monteiro · Av. Rosa e Silva, nº 839, Aflitos · Recife, Pernambuco 52.020-220 · Brazil

A última semana de campanha será a reta final para a consolidação da vitória, segundo o candidato da Frente Popular ao Governo Estadual, Paulo Câmara (PSB), que prometeu um ritmo intenso nas agendas. O socialista falou à rádio JC News, na manhã desta segunda-feira (29). "Vamos continuar seguindo o nosso planejamento, estaremos nos municípios, pedindo votos, mostrando nossas ideias e o time que nos acompanha. Vamos construir uma bela vitória, que não é contra ninguém, mas em favor de Pernambuco", afirmou o postulante. Segundo ele, boa parte dos eleitores que ainda estão indecisos definirão os votos nesta última semana.

Paulo afirmou que a Frente Popular chega forte e unida ao momento decisivo da eleição. "Fizemos um trabalho extenso. Iniciamos nossa pré-campanha ainda em abril. Eu, Raul Henry (PMDB/Vice) e Fernando Bezerra Coelho (PSB/Senado) percorremos praticamente todos os municípios de Pernambuco, conversando com prefeitos e lideranças. Construímos um conselho político, conduzido por Raul, que administrou os ruídos, com sinceridade e transparência. Essas alianças vão nos ajudar durante a gestão, sabendo o nosso modo de governar, sem fisiologismos, com zelo pelos recursos públicos. Minha capacidade de liderar este grupo foi demonstrada ao longo deste processo", lembrou o candidato, ao abordar a maior aliança partidária já construída em eleições estaduais, com as 21 legendas que o apoiam.

O socialista também apontou o desespero dos adversários, que, confrontados com a derrota iminente, disparam ataques contra ele e a família do ex-governador Eduardo Campos. "O que temos visto são atos de desespero, de quem não conhece a nossa história e tenta nos atingir de todas as maneiras. Renata Campos e seus filhos participam há tempos da militância política e me ajudam desde antes de a campanha começar, porque sabem que os meus sonhos e ideais são os mesmos que os do ex-governador", apontou Paulo Câmara.

Agenda de Nilton Mota

Agenda de Danilo Cabral