domingo, março 10, 2013

Festa de São José começa neste domingo em Surubim


A festa do padroeiro de Surubim, São José terá inicio neste domingo (10) com  a procissão da bandeira. Este ano, o cortejo sairá da residência do ex-vereador de Casinhas, Walter Borges, no bairro do Diogo, às 18h. 


A chegada na matriz está prevista para às 19h30. A partir daí terá início o novenário dedicado ao padroeiro. A missa de abertura será presidida pelo bispo emérito da Diocese de Nazaré, Dom Jorge Tobias de Freitas.

O novenário prossegue até o dia 18 de março com missas sempre no mesmo horário, às 19h. 

No dia de São José, 19 de março, o bispo Dom Severino Batista de França vai presidir a Concelebração Eucarística das 9h. À tarde haverá a procissão com a imagem de São José pelas ruas da cidade. Em seguida o padre Josias Barbosa celebra uma Missa Campal. A festa do padroeiro será encerrada com o show religioso de Diego Fernandes. 

A Prefeitura de Surubim está finalizando a programação artística do evento. Já está confirmada a apresentação da Banda Limão com Mel no dia 18 de março, véspera de feriado municipal.

Origem

São José é reverenciado em Surubim há quase 150 anos. A devoção ao santo se confunde com o surgimento da cidade. Em 1864, o fazendeiro Lourenço Ramos da Costa construiu um oratório dedicado a São José, onde o padre português Antônio Alves da Silva celebrava as missas dominicais. 

No entorno do local foram erguidas as primeiras casas. Em 1870, o oratório foi substituído por uma capela. Em 6 de junho de 1881, a lei provincial nº 1565 criou a freguesia de São José de Surubim, instalada em 1885 e regida pelo padre José Francisco Borges.

O padre André Carlos confirma que o evento religioso é o mais antigo do município. “A paróquia tem 132 anos de existência mas antes da fundação, a festa já acontecia”, disse o sacerdote durante entrevista no Plantão de Notícias da Integração FM,  nesta sexta-feira (8).

São José é um dos santos mais populares da Igreja Católica. Foi proclamado "protetor da Igreja Católica Romana", "padroeiro dos trabalhadores" e, pela fidelidade à Maria, "padroeiro das famílias".

Fonte: Rádio integração FM