sábado, março 23, 2013

Mesmo sem dizer que é candidato, Eduardo tem 6% das intenções de voto para Presidente

912bd9d0a312d1aeaa057545163707da.jpg
Foto: Ricardo B. Labastier/JC Imagem

Quero apresentar aos nossos leitores a matéria da agência estado mostrando os números da última pesquisa de intenção de votos para presidente do Brasil divulgada ontem (22).
Leia a matéria depois eu volto...


A presidente Dilma Rousseff se manteve na liderança das intenções de voto para a sucessão à Presidência da República, em pesquisa Datafolha divulgada nesta sexta-feira (22). De acordo com a mostra, se a eleição fosse hoje, a presidente Dilma teria a preferência de 58% dos entrevistados. Na pesquisa anterior, de dezembro do ano passado, Dilma aparecia com 54%.
Em segundo lugar aparece a ex-senadora Marina Silva (sem partido), com 16% das intenções de voto. Na sequência, aparecem o senador do PSDB Aécio Neves, com 10%, e o governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), com 6% das intenções de voto. Outros 6% dos entrevistados declararam voto nulo ou branco e 3% disseram não saber em quem votar.
Na pesquisa de dezembro, Marina aparecia com 18% das intenções de votos, Aécio com 12% e Campos com 4%. A pesquisa foi realizada entre os dias 20 e 21 de março e ouviu 2.653 pessoas. A margem de erro é de dois pontos para mais ou para menos.
Voltei...
Mesmo sem dizer que é candidato, Eduardo Campos aparece com 6% das intenções de voto para Presidente. Para um candidato que começou a campanha para governador  em 2006 com 2% de intenção de votos não é nada mal.
Eduardo é inteligente, articulador (Jarbas que o diga), paciente, sabe esperar o momento certo para realizar seus projetos e nos sete anos de governo em Pernambuco teve mais acertos que erros. Caso Eduardo consiga decolar a sua candidatura a presidente, teremos a honra de ter novamente um nordestino de visão ampla concorrendo à presidência da República.    


Escrito por:  Melqui