9 de outubro de 2013

Vereador chama colega de “Fresco”, “Analfabeto” e “Corno”; Reunião quase acaba no tapa

Zé Minhoca
A reunião da Câmara de Vereadores de Santa Cruz do Capibaribe da última terça feira, dia 8, ficará marcada pela baixaria de dois dos seus representantes.
Por pouco, os vereadores 'Zé Minhoca' da situação e Deomedes Brito da oposição, não transformaram a “Casa” de Lei em campo de luta. Os dois entraram em discussão pesada em um dos corredores e agressões verbais foram trocadas, levando os companheiros a intervirem para que os dois não entrassem em luta corporal.
Palavras de baixo calão foram usadas: “Fresco”, “Analfabeto” e “Corno”, chegaram a ser pronunciadas pelo vereador Zé Minhoca, segundo testemunhas da briga.
Uma baixaria anunciada, tendo em vista que o presidente do Legislativo Júnior Gomes vem de muito tempo permitindo quebra de decoro parlamentar no uso da tribuna.
A origem da confusão aconteceu quando os vereadores discursaram na tribuna. O vereador Zé Minhoca desqualificou Deomedes afirmando que o mesmo não sabia ler e não estava preparado para o cargo, segundo o blogueiro Emanoel Glicério.
Deomedes Brito
Ao sair do plenário o vereador Zé Minhoca foi seguido por Deomedes e nos corredores a confusão se instalou. Com a chegada de um batalhão de vereadores e funcionários a briga foi suspensa e reunião também.  
Como era de se esperar, a mesa diretora da Câmara de Vereadores, através do seu presidente, Junior Gomes, anunciou no programa Opinião da Rádio Comunidade FM, que uma portaria acaba de ser publicada suspendendo os mandatos dos vereadores Zé Minhoca e Deomedes Brito por 30 dias sem remuneração.
A medida aliviará a revolta da opinião pública em relação ao ocorrido na noite de ontem em reunião da câmara.  
Fonte: Sulanca News

Postagem anterior
Próxima