18 de março de 2014

Lula teme que Eduardo vire um "Collor". Eu tenho medo que o Brasil vire Cuba!


Na última sexta-feira (14.mar.2014), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva se reuniu com empresários do Paraná.
Num determinado momento, conforme relatado ao Blog do Fernando Rodrigues por um dos presentes, Lula disse: “A minha grande preocupação é repetir o que aconteceu em 1989: que venha um desconhecido, que se apresente muito bem, jovem … e nós vimos o que deu”. Vários dos presentes entenderam a frase como uma comparação entre Fernando Collor de Mello e Eduardo Campos.
Em 1989, Collor era apenas conhecido como um governador de um Estado do Nordeste –no caso, Alagoas. Era jovem, pregava renovação e ganhou o Palácio do Planalto. Depois, sofreu um processo de impeachment e o país passou por severa crise econômica.
Hoje, Eduardo Campos (PSB) também é um político nordestino relativamente desconhecido, que governa um Estado da região (Pernambuco) e se apresenta como o jovem que vai renovar a política.

Comentário:
Já que o Lula tem medo que Eduardo Campos chegue ao poder e faça as mesmas lambanças que o Fernando Collor fez, vou falar aqui alguns medos que eu tenho.
Eu também estou com medo. Tenho medo que o Brasil vire uma nova Cuba. Sim!! 
 Recentemente nossa presidenta investiu quase 1 Bilhão de dólares num porto em Cuba (em quanto os nossos estão sucateados).
 O programa 'Mais Médicos' tem ajudado a socorrer o nosso povo, contudo, os médicos Cubanos estão sendo tratados de forma ridícula em nosso país, recebendo um valor absurdo em relação aos médicos de outros países, enquanto o comunismo cubano fica com a maior parte dos seus salários.   
Só falta agora o Brasil  Importar os charutos Cubanos, a final de contas, de fumo o povo Brasileiro entende...

Postagem anterior
Próxima