23 de fevereiro de 2017

Armando obtém da Integração estudar verbas para poços artesianos na Mata e no Agreste

O senador Armando Monteiro (PTB) obteve do ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, a garantia de que o Ministério irá analisar a liberação de R$ 7,1 milhões destinados à aquisição de máquinas para perfuração de poços artesianos, recuperação de açudes e de estradas vicinais em 25 municípios da Zona da Mata e do Agreste, que sofrem uma estiagem inclemente há quatro anos.
 
O projeto, apresentado pelo Consórcio dos Municípios da Mata Norte e Agreste Setentrional (Comanas), foi discutido com Barbalho em audiência juntamente com o deputado federal Ricardo Teobaldo (PTN). Participaram da reunião os prefeitos de Paudalho, Marcello Gouveia (PSD), presidente da entidade; de Feira Nova, Danilson Gonzaga (PSD); de Salgadinho, José Soares da Fonseca (PMDB); de Condado, Antônio Cassiano (PTB), e a prefeita de Gloria de Goitá, Adriana Câmara Paes (PR). 
 

“O pleito é mais do que justo, diante da densidade populacional e da escassez de recursos hídricos nas duas regiões”, justificou Armando a Barbalho. O ministro da Integração Nacional determinou imediatamente a análise do projeto à Secretaria de Desenvolvimento Regional, órgão do Ministério.
 
O Comanas solicitou a aquisição de uma patrulha mecanizada com duas  motoniveladoras, duas retroescavadoras, dois tratores de esteira, uma escavadora hidráulica,  entre outros equipamentos, para perfuração de poços artesianos e recuperação de açudes e estradas vicinais nos 25 municípios que integram o consórcio.
 
A compra é estimada em R$ 7,1 milhões, o que resultaria numa média de R$ 280 mil para cada município, beneficiando uma população total superior a 700 mil pessoas e 30 mil agricultores familiares, salientou o prefeito Marcello Gouveia ao ministro da Integração Nacional.

Postagem anterior
Próxima