segunda-feira, maio 15, 2017

Nove pessoas da mesma família são internadas sob suspeita de envenenamento

Nove pessoas de uma mesma família foram internadas após passarem mal em Camaragibe, na Região Metropolitana do Recife (RMR). A suspeita é de que um ex-namorado de uma integrante da família tenha colocado chumbinho nos alimentos. O caso aconteceu no Jardim Primavera, em Sítio dos Macacos. 

De acordo com o delegado Adyr Almeida, o principal suspeito apontado pelos familiares é um homem conhecido como Kiko, que seria ex-namorado de Débora Regina Belo Soares. Kiko tem passagem pela polícia por receptação de produto roubado e está solto desde 2003. 

O delegado também informou que ainda iniciará as oitivas, mas que os familiares narraram o rompimento recente de Kiko e Débora e que pode ter sido essa a motivação. 
UPA da Caxangá
Foto: Rafael Furtado/Folha de Pernambuco


Para dar início às investigações, foi apreendido o alimento que a família consumiu na noite do sábado (13) e no almoço do Dia das Mães deste domingo (14). Além disso, a polícia apreendeu uma quantidade de colorau, pois no tempero foram encontrados fragmentos pretos, que estariam misturados ao colorau usado na comida da casa. A suspeita é de que o material seja chumbinho. 

De acordo com a mãe de Débora, Vandescleide Belo, 44 anos, a jovem passou mal ainda no sábado. Ela teve convulsões e estava espumando pela boca, e foi encaminhada para o Hospital da Restauração.

Outras três pessoas da família estão internadas na Unidade de Pronto Atendimento dos Torrões e o restante da UPA da Caxangá. Além de Débora, o pai dela, Regivaldo Francisco Soares, e o irmão dela Talisson também estão em estado grave.

Folha de Pernambuco