Nove pessoas da mesma família são internadas sob suspeita de envenenamento

Nove pessoas de uma mesma família foram internadas após passarem mal em Camaragibe, na Região Metropolitana do Recife (RMR). A suspeita é de que um ex-namorado de uma integrante da família tenha colocado chumbinho nos alimentos. O caso aconteceu no Jardim Primavera, em Sítio dos Macacos. 

De acordo com o delegado Adyr Almeida, o principal suspeito apontado pelos familiares é um homem conhecido como Kiko, que seria ex-namorado de Débora Regina Belo Soares. Kiko tem passagem pela polícia por receptação de produto roubado e está solto desde 2003. 

O delegado também informou que ainda iniciará as oitivas, mas que os familiares narraram o rompimento recente de Kiko e Débora e que pode ter sido essa a motivação. 
UPA da Caxangá
Foto: Rafael Furtado/Folha de Pernambuco


Para dar início às investigações, foi apreendido o alimento que a família consumiu na noite do sábado (13) e no almoço do Dia das Mães deste domingo (14). Além disso, a polícia apreendeu uma quantidade de colorau, pois no tempero foram encontrados fragmentos pretos, que estariam misturados ao colorau usado na comida da casa. A suspeita é de que o material seja chumbinho. 

De acordo com a mãe de Débora, Vandescleide Belo, 44 anos, a jovem passou mal ainda no sábado. Ela teve convulsões e estava espumando pela boca, e foi encaminhada para o Hospital da Restauração.

Outras três pessoas da família estão internadas na Unidade de Pronto Atendimento dos Torrões e o restante da UPA da Caxangá. Além de Débora, o pai dela, Regivaldo Francisco Soares, e o irmão dela Talisson também estão em estado grave.

Folha de Pernambuco 
Tecnologia do Blogger.